"E, assim como aos homens está ordenado morrerem uma só vez, vindo, depois disto, o juízo." Hebreus 9:27

terça-feira, setembro 30, 2014

Justiça eleitoral suspende propaganda de Eunício contra Camilo


A Justiça Eleitoral acatou representação protocolada pela coligação encabeçada pelo petista Camilo Santana por veiculação de propaganda irregular, em horário eleitoral gratuito, com o intuito de denegrir a imagem do candidato. A propagandas estão sendo veiculadas durante horário destinado a coligação do peemedebista Eunício Oliveira.

“Assisti à mídia acostada aos autos e verifiquei, em análise superficial, que foram utilizados meios publicitários destinados a criar artificialmente juízo de valor negativo na mente do eleitor, porquanto veiculadas tão somente as circunstâncias que beneficiavam os Representantes”, afirma o juiz eleitoral José Antônio Sales de Oliveira, acrescentando que “a publicidade em tela afronta à legislação eleitoral e traz, a cada veiculação, prejuízos irreparáveis ao candidato”.

Denúncia

No dia 26 de setembro, durante a propaganda eleitoral na TV, no bloco noturno, a peça publicitária da campanha de Eunício exibiu conteúdo que denigre a honra do candidato Camilo Santana, por tentar, segundo avaliação da justiça, vincular a imagem do petista ao suposto desvio de verbas públicas, diante das irregularidades encontradas em convênios firmados entre a Secretaria das Cidades e os municípios de Horizonte e Pindoretama.

Sem comprovação

Na ação, a coligação petista defende que nunca foi comprovada a participação direta nem indireta de. Camilo Santana, ressaltado que o único processo que teve o mérito apreciado pelo Tribunal de Contas do Estado do Ceará, o candidato foi isentado de qualquer responsabilidade.

Multa

Caso a coligação de Eunício não cumpra a determinação da justiça eleitoral, ou explore negativamente o fato do “escândalo dos banheiros” no horário reservado à propaganda eleitoral gratuita dos candidatos majoritários, pagará multa de R$ 50.000,00 por veiculação.


Fonte: Politika com K

Você tem certeza que vai fazer a escolha certa?

Essa análise inicial é minha, portanto, opinião pessoal. Sejam quais forem os eleitos, o país vai continuar na mentira e no engano, mas tem um detalhe; pode ficar ainda pior! Se o eleitor espontaneamente, continuar votando pela barriga e em bandido e corrupto.

 Para onde foi toda a indignação motivadora dos protestos e manifestações do ano passado? O fato é: Se votarmos nos mesmos, motivados pelo individualismo ou porque nos beneficiamos com algo, passaremos para muitos dos crápulas, dos canalhas, que aí estão: Que sua política de segurança, saúde, educação, entre outras, estão corretas, que aceitamos a corrupção e estamos satisfeitos em ter de trabalhar mais de cinco meses durante o ano para o governo  e ter o nosso suado dinheiro, roubado. Além, é claro! De nos tornarmos cúmplices de todas as mazelas existentes no país ‘deles’.


NINGUÉM PENSA NO FUTURO, por CARLOS CHAGAS


"Dentro de uma semana, precisamente, estará sendo escolhido o novo Congresso. Dizia o dr.Ulysses, com humor, que pior do que o atual, só o próximo. A pergunta que se faz é sobre os limites da renovação, em especial na Câmara dos Deputados. É possível que não chegue a 50%. 

Nos principais partidos, os caciques deverão conservar suas cadeiras, exceção dos candidatos a governador ou ao Senado, aliás, poucos. Indaga-se da hipótese de, desta vez, ser aprovada a reforma política, mas as chances são poucas. Talvez a proibição de doações pelas empresas nas campanhas eleitorais, com o financiamento público ainda indefinido. Jamais a cláusula de  barreira para limitar o número de partidos políticos, muito menos o voto distrital e a votação para deputado federal em listas partidárias. Nem a revogação do princípio da reeleição.

O novo Congresso continuará dando sustentação ao palácio do Planalto, qualquer que venha a ser a  presidente da República, Dilma ou Marina.  A conclusão é de que o  governo permanecerá em condomínio com os partidos, funcionando o PMDB como tijolo de  sustentação tanto de uma quanto de outra das candidatas. Neste caso, com o PT ao lado e o PSDB na oposição. Naquele, invertendo-se a equação, ou seja, os companheiros na oposição e os tucanos no governo.

Mudará alguma coisa?  Nem pensar. Dos programas de assistência social ao  orçamento insuficiente,   da ineficiência administrativa à insegurança nas ruas, da farra das empreiteiras à indigência dos municípios – o país será o mesmo. Tanto o Congresso quanto o Executivo continuarão olhando para o próprio umbigo, pensando nos próximos quatro anos. Ninguém, em funções de relevo, cogita do que será o Brasil dentro de vinte,  trinta ou cinqüenta anos. O futuro não faz parte das preocupações nacionais, até porque os políticos de hoje não estarão mais aqui. Não é problema deles.


INTERPRETAÇÃO EM ABERTO

Impossível, por enquanto, interpretar o significado do manifesto dos generais de quatro estrelas, todos na reserva, criticando não só  o ministro da Defesa, mas o governo inteiro. Em outros tempos os tanques estariam na rua, ou os signatários na prisão. Fica difícil aceitar que os comandantes atuais não conhecessem previamente o pronunciamento. Que reação terá o embaixador Celso Amorim? Advertir a todos ou ficar calado? A presidente Dilma   comentou apenas que se os generais não querem pedir desculpas pelos excessos do regime militar, “que não peçam”.

COM CID LICENCIADO, PRESIDENTE DO TJ ASSUME GOVERNO DO CEARÁ


O presidente do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), desembargador Luiz Gerardo de Pontes Brígido, assumiu, interinamente, o Governo do Ceará nesta segunda-feira (29/09). O desembargador ficará no comando do Executivo estadual durante licença do governador Cid Gomes.

Necessidade

O desembargador Gerardo Brígido informou que durante a interinidade despachará na sede do Palácio da Justiça e só irá ao Palácio da Abolição em casos de extrema necessidade.

TJ

O vice-presidente do Tribunal, desembargador Francisco Lincoln Araújo e Silva, responderá pela Presidência do TJCE enquanto o desembargador Gerardo Brígido ocupar o cargo de governador.

(TJ/CE)

Pergunto: O que um juiz entende de gestão publica? Quanto ao governador, ele certamente não está abandonando o governo para cuidar dos interesses dos cearenses, não! Faz porque sabe que ganhando, tem no mínimo, mais oito anos pela frente, por conta da ignorância do eleitor do estado, se o contrário ocorrer, sabe que estará de fora do poder e desempregado.

Vice de Eunício, Roberto Pessoa diz que Pros é "congregador de traíras"


Candidato a vice-governador pela chapa de Eunício Oliveira (PMDB), o ex-prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa (PR), questionou suposta ausência de ideologia do Pros – partido do governador Cid Gomes (Pros). Acusando a legenda de ter sido “feita para congregar traíras”, Pessoa criticou “incoerência ideológica” e acusou governo Cid de promover uma “ditadura” no Estado.

“O Pros não existe, só existe no Estado do Ceará. É partido feito para congregar esses traíras. No caso, Cid já teve oito partidos. Sabe quando você tem um boi, aí bota um ferro para passar para o dono? Então, eles têm oito ferros. Não têm coerência nenhuma e o Pros não existe, só pela máquina pública”, disse.

Roberto Pessoa destacou que candidatura de Eunício promete “diálogo”, ao contrário do que ocorreria na atual gestão. “Hoje é uma verdadeira ditadura (...) crítica deles só vem se disputa contra. Pode ser o maior ladrão do mundo, estando com ele é bom”, diz. Sobre a segurança, Roberto disse que "É um governador desqualificado, porque não protege a vida dos habitantes”, disse.


 (O Povo).

AMEAÇADO; Reno Ximenes denuncia enriquecimento de grupo nas gestões Ferreira Gomes


O advogado Reno Ximenes (PPS), que fez parte do restrito círculo de confiança de Cid Gomes, mas que recentemente tomou sentido contrário ao do governador ao apoiar a candidatura de Eunício Oliveira (PMDB) ao Governo e de Tasso Jereissate (PSDB) ao Senado, veio a público, por meio de seu perfil no Facebook, para denunciar as ameaças que ele alega estar sofrendo nos últimos dias.

Em uma carta aberta, o professor de direito da UVA e da UFC, que já foi consultor jurídico da Câmara Municipal de Fortaleza, Procurador Geral do Município de Sobral, Procurador Chefe Federal no DNOCS, Secretário Adjunto de Planejamento e Gestão no primeiro Governo Cid Gomes, Procurador Geral da Assembleia Legislativa na gestão sob a presidência de Roberto Cláudio e atua como assessor jurídico e institucional da presidência da Assembleia, alega que a coação vem sendo praticada por “bajuladores e bandidos” que atuam dentro do Governo do Estado, relacionados ao grupo dos Ferreira Gomes, que, segundo ele, enriqueceram às custas dos cargos ocupados no poder público, possuindo hoje um patrimônio que não condiz com os salários recebidos.

Leia a íntegra do desabafo assinado pelo ex-aliado do governador Cid Gomes.

Carta Aberta

“Estou recebendo ameaças por parte de bajuladores e bandidos, que atuam dentro das gestões que envolvem o grupo político dos Ferreira Gomes, e, hoje possuem um patrimônio milionário às custas do poder público, discrepante de seus irrisórios salários.

Registro, por enquanto, acreditar não ter a ciência ou autorização dos irmãos tal terrorismo, mas de qualquer sorte, afirmo, a manutenção firme das minhas convicções.

Mas por uma questão de proteção a mim e a minha família, declaro em público e responsabilizo esses partidários subjugados, os quais não respeitam a opção livre e democrática de escolhas, e, vivem como escravos mentais, submissos e curvados à arrogância, sem sequer, possuir a capacidade de pensar ou contestar.

Atualmente, na política sou filiado ao PPS, e, só ao meu partido, devo respeito e fidelidade, no caso, está apoiando Tasso para o Senado e Eunicio, para o Governo.

Na minha vida nada foi fácil. E não será nenhum dejeto ou grupo de escória social, que impedirá eu exercer minha livre reflexão e cidadania.

Respeito todas as candidaturas e todas as escolhas, e, fundamentalmente, à liberdade e o exercício da atividade política - que faço desde os 15 anos - com dignidade, tenacidade e talento.

Em respeito a hombridade pública não citarei fatos ou pessoas, pois seria um hecatombe nesse período eleitoral. Aguardarei, esse tempo passar, mas a história logo chegará para desmascarar a hipocrisia falso-moralista tão irradiada em nome da verdade”.

Reno Ximenes

(via Facebook)

segunda-feira, setembro 29, 2014

Deputados cearenses gastaram mais de R$ 1 milhão em combustíveis e passagens


Em ano de eleição, os 22 deputados federais do Ceará não pouparam sola de sapato – nem o bolso do contribuinte – e gastaram $ 940 mil em passagens de avião e R$ 531 mil em combustíveis apenas nos nove primeiros meses de 2014.

O valor seria bastante para dar 53,9 voltas ao mundo e comprar, para cada parlamentar, 12 passagens de ida e volta entre Fortaleza e Tóquio. Entre outros gastos apenas para manter seus gabinetes, foram investidos R$ 5,2 milhões.


As informações tem como base levantamento no portal da Câmara dos Deputados. Ao todo, valor destinado a combustíveis pagaria - a R$ 2,95 o litro - 180,2 mil litros de gasolina. Em um New Fiesta 1.6, carro de faixa de preço média e desenvolvimento de 12km/litro, seria o bastante para rodar 2,1 milhões de quilômetros - 53,9 voltas ao mundo.

ESCÂNDALO DOS BANHEIROS - JUSTIÇA NEGA A CAMILO DIREITO DE RESPOSTA


A Justiça Eleitoral negou o pedido de direito de resposta à coligação "Para o Ceará seguir mudando" e ao candidato ao Governo do Ceará Camilo Santana (PT). Essa solicitação foi feita após veiculação da propaganda eleitoral do também candidato a governador Eunicio Oliveira (PMDB).

No filme exibido na propaganda do candidato do PMDB, Camilo é citado como investigado em 14 processos no Tribunal de Contas do Estado, dentro do "escândalo dos banheiros", e em cinco processos por improbidade administrativa na Justiça Estadual.

Segundo a defesa de Camilo, já haveria ocorrido a comprovação da inexistência de seu envolvimento no caso e as ações por improbidade administrativa mencionadas já teriam sido revertidas pelas decisões adotadas pelo Tribunal de Justiça do Estado do Ceará. "Não havendo quaisquer de suas contas bancárias bloqueadas em virtude de decisão judicial".

Ao dar o seu despacho, o juiz auxiliar da propaganda, Ricardo Cunha Porto, decidiu: "o programa eleitoral de Eunício não fez nenhum juízo de valor e se limitou a repassar informações que, à época, foram exaustivamente divulgadas e que, ainda hoje, se encontram acessíveis na Internet". Além disso, destaca o juiz, contrariando a defesa de Camilo: "apesar da sua afirmação em contrário, não foi inocentado em todas as ações de improbidade que teria figurado, tendo sido excluído apenas de uma delas, permanecendo em outras cinco como réu".

E prossegue: "vi atentamente a mídia inserida nos autos. De fato ela expressa notícias que podem pesar na escolha do eleitor por um ou outro candidato majoritário. Entretanto, não percebi em nenhum momento que contenha na propaganda impugnada qualquer juízo de valor feito pelos representados de fatos que, à época, foram amplamente divulgados. A propaganda apontada como irregular, na verdade, apenas repassa informações, que, ainda hoje, se encontram acessíveis pelo Google", escreve em seu despacho o juiz.

Ainda de acordo com Ricardo Porto, as contas do candidato Camilo Santana não foram integralmente liberadas. "É interessante notar, através da informação contida na folha 61, que apenas as verbas salariais - incluídas àquelas que por ventura tenham sido depositadas em conta poupança, até o limite de quarenta salários mínimos -, referentes aos bens judicialmente bloqueados do candidato Camilo Santana, é que foram desbloqueadas, o resto não. Tal informação foi trazida à colação pela parte autoral",  ressalta o magistrado.

Por fim, o juiz Ricardo Porto indeferiu o pedido de Camilo dizendo que: "o direito de resposta, no caso, só se justificaria se essa informação fosse sabidamente inverídica, vale dizer, se o candidato Camilo Santana não mais figurasse como réu em nenhuma das ações de improbidade na propaganda vergastada, ou ao menos em uma das cinco ações apontadas. Mas essa questão não foi aventada pela exordial".


Fonte: Cearanews7.com

ISTOÉ - Cid não consegue explicar relação com Paulo Roberto Costa e recorre a ataques e mentiras


Há 15 dias, o governador do Ceará, Cid Gomes, teve uma recaída de autoritarismo. Recorreu e conseguiu na Justiça de Fortaleza censurar a edição da revista ISTOÉ que circularia no fim de semana. A publicação dizia que Gomes estaria entre os políticos acusados pelo ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa de participar de um esquema de corrupção na estatal. Graças a uma decisão do ministro Luis Roberto Barroso, do STF, a liminar foi derrubada e aos leitores foi permitido o livre acesso à informação. Em sua última edição, a revista ISTOÉ fez uma cronologia dos encontros do governador do Ceará com Paulo Roberto Costa. Os fatos narrados e as imagens das reuniões expuseram a proximidade entre os dois. Na terça-feira 23, o governador resolveu adotar outra tática. Apelou a mentiras, acusando ISTOÉ de manipular as fotos publicadas. “Fizeram uma edição da foto. Cortam uma foto de uma reunião de 2008, na qual apareço junto a vários diretores da Petrobras e minha equipe, e me mostram ao lado do funcionário. Isso é brincadeira! Não tenho relação com esse senhor”, afirmou Gomes.

A revista ISTOÉ não manipula fotos. De maneira alguma. Como se pode ver na foto acima sob um novo ângulo, sem qualquer edição ou corte, o governador estava ao lado de Paulo Roberto Costa numa reunião ocorrida no dia 10 de junho de 2008, no Palácio de Iracema, destinada a tratar da construção da refinaria Premium II, no Ceará. Há outros diretores da Petrobras na imagem, mas em nenhum momento ISTOÉ afirmou que Cid Gomes estava sozinho com Costa no encontro. Diz o texto publicado na página 36: “Na imagem, Cid está sentado à cabeceira de uma ampla mesa de reuniões, tendo Costa imediatamente a seu lado”. E esse foi apenas o primeiro de pelo menos oito encontros entre Cid ou integrantes do governo do Ceará com Costa entre junho de 2008 e janeiro de 2014, dois meses antes de o ex-diretor da Petrobras ser preso. Cid Gomes, porém, prefere seguir na toada de inverdades. A negação, até o confronto com os fatos, é artifício comum aos políticos flagrados em malfeitos. Depois, as versões vão sendo refeitas e adaptadas, à medida que novas evidências vêm à tona. Cid Gomes já negou ter visto e se encontrado com o delator. Em seguida, refez a declaração, dizendo que as reuniões eram “apenas institucionais”, o que também não é verdade, já que encontros ocorreram mesmo depois de Paulo Roberto Costa ter deixado a Petrobras. As mentiras continuam.


Fonte: Isto É

10 pessoas são assassinadas no Estado do Ceará na última sexta-feira, 26


Dez pessoas foram assassinadas na última sexta-feira, 26, no Estado do Ceará, segundo informa o boletim divulgado pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

 A capital cearense registrou cinco homicídios, sendo um a faca no bairro Siqueira (av. General Osório de Paiva) e quatro nos bairros Bom Jardim (rua José Martins), Jangurussú (rua José Martins), Mondubim (rua coletora A) e Serrinha (rua Leão XIII).


 O mesmo número foi registrado no interior do Estado.

 (O Povo)

sábado, setembro 27, 2014

Revista veja afirma que Guimarães está encontrando dificuldades financeiras para bancar sua reeleição


DIÁRIO DO PODER

TRUCULÊNCIA ‘CORONEL’ CID GOMES AGORA É ACUSADO DE CENSURA NO CEARÁ
APÓS A REVISTA ‘ISTOÉ’, GOVERNADOR DO CEARÁ É ACUSADO DE CENSURAR BLOG

Cid Gomes, governador do Ceará: atitudes características de coronelismo político.
Dias depois de tentar impedir a circulação da revista IstoÉ, que o citou como envolvido no escândalo do Petrolão, o governador do Ceará, Cid Gomes, agora é acusado pela oposição de pressionar o jornal Diário do Nordeste a tirar do ar o blog do conceituado jornalista Roberto Moreira – que noticiou uma reunião na qual seu irmão Ciro Gomes teria ofendido o candidato a governador Camilo Santana (PT), que a dupla apoia.

Em vez de censurar notícias, o governador do Ceará deveria trabalhar para reverter fatos como o de um cearense ser morto a cada 2 horas.

Cid Gomes deixou o governo para fazer campanha eleitoral, enquanto 176 dos 184 municípios se encontram em estado de calamidade.


Vítima da truculência de Cid Gomes, IstoÉ comprovou com fotos suas relações com o ex-diretor da Petrobras, que ele disse nunca “ter visto”.  Leia na coluna Claudio Humberto.

EXCELENTE O ARTIGO DO ADVOGADO VALDECY ALVES. CONCORDO PLENAMENTE!

Capa e manchete do jornal O Povo de 25 de setembro de 2014

CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA INVESTIGA VENDA DE SENTENÇAS NO CEARÁ - CRISE NO ESTADO BRASILEIRO EM TODOS OS PODERES?


O QUE ESTÁ ACONTECENDO COM OS PODERES DA REPÚBLICA DO BRASIL? EM QUEM ACREDITAR: Ontem, o jornal O Povo, do Estado do Ceará, colocou como manchete a chegada de corregedores do Conselho Nacional de Justiça para investigar a comercialização de decisões judiciais tanto no Tribunal como em Comarcas do interior. Para o cidadão fica o choque. Não acredita nos vereadores de sua cidade porque vereador sério é exceção, o mesmo se aplicando a deputados e senadores. ASSIM NÃO CONFIAM NO PODER LEGISLATIVO, tanto que a maioria dos eleitores, a uma semana das eleições em 2014, ainda não sabe em quem votar para deputado. Quando o mesmo cidadão olha para o prefeito de sua cidade, os escândalos e prisões de prefeitos no Ceará, denúncias de corrupção estourando por todo o país, em quem acreditar? ASSIM, O PODER EXECUTIVO TEM SIMBOLIZADO MUITO MAIS A CORRUPÇÃO QUE A MEIO PARA CIDADANIA E REDENÇÃO DA MISÉRIA. E para piorar muitos desses políticos denunciados são de partidos que eram de esquerda. Agora, lê uma manchete dessas e vê logo outra crise e dessa feita no Judiciário.E o pior, muitos dos compradores de sentenças são políticos acusados de corrupção. COMO ESSE MESMO CIDADÃO VAI ACREDITAR NO PODER JUDICIÁRIO? E todos sabem que a maioria dos municípios não tem juiz na Comarca, a maioria dos servidores do fórum são da prefeitura... COMO FICA O ESTADO BRASILEIRO. A JUSTIÇA SOCIAL? E se o eleitor não votar com autonomia, não votar com dignidade, se vender o seu voto ou votar nos responsáveis por essa situação, como acreditar na democracia??? O VOTO COM LIBERDADE E ÉTICA, A DENÚNCIA, A VIGILÂNCIA CONSTANTE PELOS CIDADÃOS E CIDADÃS, pode ser uma grande arma de mudança da realidade brasileira. Tudo pode acabar no exercício do poder, mas tudo começa com o voto e a participação contínua do eleitor e do cidadão. 

ELEITOR, VOTE DIREITO! VOTE COM ÉTICA! FORTALEÇA A DEMOCRACIA APOSTANDO NA MUDANÇA DO QUE NÃO PRESTA E JÁ SE MOSTROU PODRE! APÓS O VOTO VIGIE SEU CANDIDATO ELEITO NO EXERCÍCIO DO PODER! SEJA PARLAMENTAR! SEJA MEMBRO DO PODER EXECUTIVO. ATENTO TAMBÉM AO TRABALHO DOS MEMBROS DO PODER JUDICIÁRIO. O eleitor tem o poder de punir o mau político da forma mais radical possível, acabando com a sua carreira política: SÓ NÃO VOTAR EM QUEM NÃO PRESTA! E CONTRA ESSA DECISÃO NÃO HÁ RECURSO! NEM TAL DECISÃO PREJUDICA NINGUÉM! Por fim, o próprio Estado tem mecanismos de investigação e punição daqueles que violam seus deveres como autoridade e que se desviam dos deveres em praticar seus atos conforme manda o artigo 3º da Constituição Federal, que impõe que todo ato de autoridade pública deve ser para construção da justiça social, para construção de uma sociedade livre, humana, justa e solidária, voltado para o bem comum de todos. POIS QUANDO A AUTORIDADE SE APROPRIA DO CARGO PARA OBTER BENEFÍCIOS PESSOAIS OU PARA BENEFICIAR ALGUNS EM TROCA DA CORRUPÇÃO, TEM-SE O DESVIO DO PODER E MUITAS VEZES A FORMAÇÃO DE QUADRILHA! SE FOR POLÍTICO NÃO É MAIS DIGNO DE RECEBER VOTO, SE FOR JUIZ, CNJ NELE!


OBSERVATÓRIO. Por Júnior Bonfim

Nesta coluna homenagearemos com citações o filósofo Voltaire. Era ele que dizia: “Uma coletânea de pensamentos é uma farmácia moral onde se encontram remédios para todos os males”.

Dois curiosos registros históricos.

1962. Marco da primeira articulação política para formação das grandes alianças partidárias no Ceará. As maiores agremiações políticas Alencarinas à época - UDN, PSD e PTN – se acasalaram em uma coligação chamada “União Pelo Ceará”, sob a chancela do governador Parsival Barroso. O líder do PTB,Carlos Jereissati, saiu candidato a Senador contra esse ‘esquemão’ e venceu a eleição. Pouco tempo após assumir o mandato, mais precisamente em 09 de maio de 1963, sofreu um enfarto e faleceu. Em seu lugar assumiu o suplente Antonio Jucá, médico cardiologista natural de Crateús.

1974.“Aonde a vaca vai, o boi vai atrás…”dizia o refrão da música do brega João da Praia. Foi fácil fazer a paródia: “Aonde o Mauro vai, o povo vai atrás.”O país, sob a égide de uma ditadura militar, tinha no Ceará um robusto exemplo do peso das fardas: três coronéis de patente mandavam no estado. César Cals, governador; Adauto Bezerra, deputado estaduale Virgílio Távora, Senador da República. César Cals estava em final de mandato e quis bancar sozinho a candidatura do engenheiro civil Edilson Távora, que vinha de quatro mandatos de deputado federal. Embora fossem primos, Edilson Távora era desafeto de Virgílio. Adauto também não via com bons olhos a candidatura de Edilson, porque era íntimo de César. Resultado: Adauto fez corpo mole, Virgilio passou a campanha fora do Ceará e Mauro Benevides, o candidato oposicionista do MDB, foi estimulado por debaixo dos panos a elevar o volume da música “Aonde o Mauro vai, o povo vai atrás.”Com 44 anos, e já considerado uma astuta raposa na floresta da política, Mauro foi eleito Senador.

TASSO E MAURO

A eleição para o Senado, no Ceará, tem sido ao longo do tempo colada à eleição de governador. Os protagonistas das exceções que confirmam essa regra foram, exatamente, os genitores de Tasso e Mauro Filho, os que lideram a corrida este ano. Tasso luta para repetir o feito do pai. Mauro Filho sonha manter o genitor como o último caso de eleição descolada para o Senado. No próximo dia 05 de outubro saberemos quem exibirá o diploma.

CAMILO E EUNÍCIO

A família Ferreira Gomes fez uma aposta arriscada: construiu uma chapa com três pessoas sem capital político próprio para uma eleição majoritária. Eunício, no início, achou que eles marchavam para o precipício. Ledo engano. Profissionais da política, trabalham com cálculo e estatítica. Fizeram Camilo, que não é camelo, passar pelo buraco da agulha e agulhar o concorrente. O páreo endureceu e haverá segundo turno. Agora, carregam as baterias em favor de Mauro Filho. Nenhum fio de amizade existe mais entre Tasso e os irmãos Ciro e Cid. Como dizia Voltaire: “A amizade é o casamento da alma e este está exposto ao divórcio”.

CAMILO E EUNÍCIO II

Esta eleição está levando inimigos históricos para o mesmo palanque. Em Novo Oriente, o doutor Airton, do PT, está unido a Nenen Coelho (PSD) pedindo votos para Camilo. Em Crateús, também. Ivan e Felipe, que se enfrentaram na eleição municipal, votam no 13. Porém, a convivência não está fácil. Em uma reunião no Clube Sargento Hermínio, Ivan e Domingos Neto foram hostilizados por militantes/simpatizantes ligados a Carlos Felipe e Mauro Soares. No comício de Camilo sexta-feira passada em Crateús, o fato se repetiu em relação a candidatos e lideranças que não estão no bloco da Prefeitura. Isso é inconcebível.“Posso não concordar com nenhuma das palavras que você disser, mas defenderei até a morte o direito de você dizê-las”.(Voltaire) Como é que, em plena campanha, necessitando conquistar, se resolve afugentar? O Prefeito prometeu tomar providências. “Para ter sucesso neste mundo não basta ser estúpido, é preciso também ter boas maneiras.” (Voltaire)

CAMILO E EUNÍCIO III

Como sempre, a sucessão estadual influi na municipal. Camilo, em conversa com Ivan Claudino, disse que nos municípios onde dois eleitores seus estivessem se enfrentando, optaria pela neutralidade. Eunício eleito, apoiará um candidato do grupo que está com ele: Zé Almir, Paulo Nazareno ou um dos líderes do grupo de Genecias Noronha.“A maior parte dos homens é como a pedra do íman. Tem um lado que atrai e outro que repele”. (Voltaire)

AÇUDE FRONTEIRAS

Na tarde da quinta-feira passada, dia 11.09,houve audiência entre a Diretoria do DNOCS e o Ministério Público Federal oficiante em Crateús. Participaram Ivan Monte Claudino, diretor administrativo-financeiro;Laucimar Loiola, diretor de produção; Felipe Cordeiro, da Infra-estrutura; Francisco Arlem de Sousa, procurador do DNOCS, e a doutora Sara, procuradora do MPF. O tema foi o açude Fronteiras. De maneira proativa, a diretoria do DNOCS apresentou o projeto da obra, prestou as informações essenciais e já agendou reunião para o próximo dia 23 com o movimento dos sem terra e comunidades envolvidas/atingidas, visando prevenir eventuais litígios.“O ouvido é o caminho do coração”. (Voltaire)

CENTENÁRIA


Aumenta a quantidade de pessoas centenárias em Crateús. No próximo mês engrossará essa lista a viúva do senhor Edmundo Pinto, a lúcida e iluminada senhora Maria José Pinto. Os amigos e familiares organizam a comemoração. “O maior prazer que alguém pode sentir é o de causar prazer aos seus amigos”. (Voltaire)

Protesto Contra Camilo - BECO DO COTOVELO EM SOBRAL AMANHECE REPLETO DE PENICOS


O Beco do Cotovelo, tradicional palco político do município de Sobral (238km de Fortaleza), amanheceu nesta sexta-feira (26) com uma "passeata de penico" organizada por aliados do candidato ao governo do Estado  Eunício Oliveira (PMDB) para provocar o também postulante ao Abolição Camilo Santana (PT), numa referência ao caso de desvio de recursos públicos que ficou conhecido como “escândalo dos banheiros”.

 Sempre que questionado sobre o assunto, Camilo Santana afirma que não teve nenhum envolvimento com o esquema de desvio de verbas do Governo do Estado para construção de kits sanitários.

 Opositores do petista, por sua vez, retrucam, dizendo que seus bens estão indisponíveis e suas contas bloqueadas pela Justiça. Camilo também nega essa acusação.

Bandidos assaltam correios de Nova Russas


O crime ocorreu na tarde desta sexta-feira,(26), por volta das 15:30 horas, quando 04 elementos chegaram na agência, que fica localizada no centro da cidade, em duas motocicletas, uma Honda 150 preta e outra Broz vermelha, sendo que dois entram e abordaram os atendentes e dois permaneceram do lado de fora, dando cobertura a ação dos comparsas.

Os criminosos estavam armados e roubaram o dinheiro dos caixas, valor não informado.Segundo informações da Polícia, a ação criminosa foi rápida.Após o crime, os indivíduos fugiram pela rua Leonardo Araújo, posteriormente, tomando rumo ignorado.

Policiais Militares que estavam na Cadeia Pública, dando apoio na visita de familiares aos presos foram acionados, diligenciaram na procura dos elementos, mas ninguém ainda foi preso.Toda a ação criminosa foi filmada pelo Circuito de Câmeras da agência.Ninguém ficou ferido.


Blog do Denes Lima